Muito Barulho Por Nada Cia Ser Ou Nao Cena Teatro Espetáculos Curso Oficina Teatral Montagem Rj Rio De Janeiro Artes (28)

Muito... por nada

2002

Escrita por volta de 1598 por Willian Shakespeare, “Muito Barulho por Nada” é uma comédia romântica impulsionada pelo tema da calúnia e da impostura, o que a levaria aos limites do trágico se não fossem a incrível concisão e simplicidade das cenas, o diálogo popular e fluente e o desfile dos tipos mais cômicos da galeria de personagens do autor.

A adaptação da Cia Ser ou Não Cena apresentou uma pesquisa baseada nos estudos de Harold Bloom que aponta esta obra como inacabada e um esboço de outras peças que viriam do Bardo. Trouxemos para cena o próprio personagem de Shakespeare que pontua todo o espetáculo criando um elo entre a ação e a narrativa, dando referências de um autor que simultaneamente à representação imagina, escreve e modifica sua obra.

Além de apostar numa linguagem que trafegava numa linha muito tênue entre comicidade e tragédia, onde os atores através de um jogo intenso e visceral vivenciavam cada peripécia da prosa Shakespeariana, apresentamos uma Direção de arte audaciosa, o figurino quase em sua totalidade foi confeccionado com costuras a mão utilizando além de tecidos, elementos de sucata (pneu, tampinhas de refrigerante, barbante, arames e outros). O cenário, uma engenhoca inspirada nos desenhos de Leonardo da Vinci, não traduzia aparentemente nada, porém, através do movimento dos atores, se transformava em múltiplos espaços e levava o espectador a visualizar castelos, campos, janelas e praças.

O sucesso de público conquistado com este espetáculo foi inesperado para o grupo e confirmou o caminho artesanal e de pesquisa que devíamos seguir. A temporada na cidade de Niterói, onde estreamos, foi tão surpreendente que tivemos que retornar para uma segunda jornada a pedido dos próprios espectadores e de pessoas que não conseguiram adquirir ingressos na primeira temporada.

Sinopse

O amor em duas histórias paralelas: Beatriz e Benedito com assaltos recíprocos de sarcasmos exemplificando a guerra dos sexos, e de Cláudio e Hero , amor jovial, inseguro e frágil, que se vê destruído pela vilania de um impostor fazendo com que Cláudio, ofenda e manche a honra de sua noiva no dia do casamento. Um espetáculo que trafega entre a tênue linha da comédia romântica e da tragédia.

Equipe

Direção geral, Adaptação, Direção musical e Caracterização: Claudio Sásil
Preparação corporal e Assistência de direção: Carla Martins
Cenário, Adereços e Figurinos: Rodrigo Cohen e Claudio Sásil
Assistência de figurinos: Bianca Sevollella
Produção musical e mixagem: Mário Marcio e 1% Inspiration
Designer gráfico e Fotos: Fernanda Salgado
Produção e Realização: Cia Ser ou Não Cena de Teatro

Elenco

Suellen Costa como W. Shakespeare
Alexandre Brito
André Siqueira
Carla Martins
Cris Dias
Evando Hermínio
Francisco Rodrigues
Gabriela Albino
Luciana Sol
Rodrigo Cohen

Apoio Cultural

apoio-muito-por-nada1

Compartilhe!